Our Sale is now live until Friday 14th October 2022! Enjoy our SPECIAL OFFER Buy 1 Get 1* 30% OFF in Store using promotional code: EOCTSALE22 at check out.

*Discount is applied to the most expensive item in the cart

Luxury and Fashion Our global industry experts explore the key trends shaping consumer preferences that drive fashion and luxury, using timely insights to stay one step ahead of the latest innovations and business strategies.

Brasil Perde Duas Posições No Ranking Global De Luxo Em 2017

1/25/2018
Elton Morimitsu Profile Picture
Elton Morimitsu Bio
Share:

O mercado de luxo mundial movimentará USD955 bilhões, um crescimento de 4% esse ano (valores correntes).  Contudo, algumas regiões do planeta ainda enfrentam um cenário econômico negativo e a região das Américas é uma das que está influenciando negativamente o cenário global. A América do Norte apresentou uma queda de 3% em 2017 (valores correntes) devido às incertezas relacionadas ao governo Trump. Já a América Latina apresentou uma queda menor, de 0,5% (valores correntes), devido, principalmente, ao desempenho ruim de vendas no Brasil.

 

Vendas de luxo caem no Brasil

Após um ano desafiante em 2016, as vendas de luxo no Brasil continuam a enfrentar obstáculos. O segmento de luxo no Brasil movimentou R$22,5 bilhões em 2017, uma queda de 8,5% comparado ao ano anterior. Embora ainda negativo, o cenário é um pouco melhor que em 2016 quando o segmento apresentou uma forte queda de 15% (valores correntes).

A crise política continua a influenciar as vendas de itens de luxo inclusive entre aqueles que não tiveram a renda impactada pela situação econômica. O que se vê são consumidores que continuam a ter um alto poder aquisitivo, mas que adotaram um comportamento mais moderado e de menos ostentação.

 

2018 será ano decisivo para o luxo no Brasil

O desempenho negativo do mercado de luxo no Brasil fez com que o país voltasse ao nível de consumo pré-crise e caísse duas posições no ranking global, sendo ultrapassado pelo México e assumindo a 22ª posição (valores correntes, em dólares e com valor de câmbio fixo de 2017). O Brasil, que já chegou a ser 18ª em 2015, não deverá recuperar sua posição global no curto prazo. Projetamos um crescimento de 2% ao ano até 2022 (valores constantes de 2017, descontando inflação).

Com a retomada da economia prevista para os próximos anos, a indústria de luxo espera um crescimento tímido. Contudo, muitas empresas estão olhando esse cenário com cautela. As eleições de 2018 presidenciais no ano que vem serão extremamente importantes para a tomada de decisões das empresas.

Nota: O segmento de luxo na Euromonitor International inclui: vestuário, calçados, acessórios, eletrônicos, bebidas, cosméticos, carros e hotéis.

Interested in more insights? Subscribe to our content

Shop Our Reports

World Market for Luxury Goods

The pandemic, cost-of-living crisis and inflation hikes continue to have an unprecedented impact on affluent populations, their wealth, and their spending…

View Report

Savage X Fenty and Skims or the Rise of Celebrity-led Underwear Brands in the US

Except for the abnormal growth in 2021 and decrease in 2020 caused by the pandemic, the US women’s underwear market is relatively stable in market size. By…

View Report

Where Consumers Shop for Apparel and Footwear

Despite new COVID-19 waves, global sales of apparel and footwear recovered in 2021 with y-o-y growth driven by North America and Latin America. In terms of…

View Report
Passport Our premier global market research database with detailed data and analysis on industries, companies, economies and consumers. Track existing and future opportunities to support critical decision-making across all functions within your organisation Learn More